replica rolex rolex is still the best choice inside of the global watch market sector.
diamond painting made in usa.

what companies are selling legit cheap sex doll?

Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

CBPF fecha as atividades de 2022 com lançamento de livro em homenagem ao físico Ronald Cintra Shellard

Publicado: Quarta, 28 de Dezembro de 2022, 08h26 | Última atualização em Quarta, 19 de Abril de 2023, 14h20 | Acessos: 65

O Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) lançaram no dia de ontem, 27/12, o livro Ciência para o Brasil: Ronald Cintra Shellard (1948-2021). O evento ocorreu no Núcleo de Informação C&T e Biblioteca (NIB), no Edifício César Lattes do CBPF, no Rio de Janeiro (RJ).

 A obra é homenagem ao físico experimental de altas energias Ronald Cintra Shellard (1948-2021), ex-diretor do CBPF e protagonista do processo de adesão do Brasil ao Centro Europeu de Pesquisas Nucleares (CERN), com sede em Genebra (Suíça) – em 2 de março deste ano, depois de mais de uma década de negociações, o Brasil se tornou membro associado daquele laboratório internacional, uma das maiores empreitadas científicas de todos os tempos.

 A cerimônia de lançamento da obra contou com a presença de Nilton Alves Júnior, gestor do NIB e coordenador substituto da Coordenação de Atividades Institucionais – COINS/CBPF, Márcio Portes de Albuquerque, diretor do CBPF; Paulo Alvim, ministro do MCTI; Maria Elisa Shellard, artista plástica, ilustradora do livro e viúva de Ronald Shellard e Antonio Augusto Passos Videira, um dos editores.

 

 Da esquerda para direita: Nilton Alves Júnior, Márcio P. de Albuquerque, Paulo Alvim,

     Maria Elisa Shellard e Antonio Augusto P. Videira.

Crédito: (NCS/CBPF).

 

A mesa foi mediada pelo diretor do CBPF. O anfitrião Nilton Alves Júnior deu as boas-vindas com uma breve explicação do que é o NIB. Em seguida Antonio Videira falou de como se deu a organização do livro.

Público presente no lançamento do livro.
Crédito: (NCS/CBPF).

 

Para Videira “A seleção de trabalhos mostra com muita clareza e precisão daquilo que o Shellard pensava sobre a ciência. Ele começou sua carreira na física teórica e ao longo dos anos foi para física experimental, pois gostava de trabalhar em grupo, de estar com as pessoas, pensava a ciência e também na coletividade. ”

Em seguida o ministro Paulo Alvim destacou seu compromisso pessoal com Elisa Shellard de realizar a publicação do livro, cujo lançamento possivelmente seria seu último ato formal como ministro. Ressaltou a riqueza de conteúdo, dos ensinamentos com as palavras do Shellard e o carinho na produção do livro em tão pouco tempo, tendo como articulador desse processo o atual diretor do CBPF.

E completou: “Eu tive a oportunidade de aprender com o Shellard, que teve como primeiro papel o de referência, não só de liderança na área de pesquisa, mas como pesquisador brasileiro, gestor e pessoa. O segundo papel foi a inspiração. Rico é um país que tem pessoas como Shellard, um herói do conhecimento. Este livro mostra a jornada de um brasileiro que pela ciência quis tornar o mundo melhor, brasileiro de quem temos muito orgulho e que nunca sairá da nossa memória. ”

Paulo Alvim e Maria Elisa Shellard

Crédito: (NCS/CBPF)

 

Elisa emocionou os presentes ao falar do privilégio de viver ao lado de um homem tão feliz que amava sua profissão. “Tudo que ele fez em ciência foi construído com dedicação e muito trabalho, esse livro é a melhor homenagem que poderia ser feita para o Roni (apelido carinhoso do Shellard), fica a gratidão ao CBPF com sua equipe maravilhosa. Tive a grande honra de fazer as ilustrações do livro Esse projeto foi desenvolvido por pessoas competentes e ao mesmo tempo grandes amigos nossos” completou Elisa.

 

Para fechar a mesa de abertura, Márcio P. de Albuquerque agradeceu a atuação do ministro Alvim na valorização das unidades de pesquisa do MCTI, falou da sua emoção em participar da organização do livro em homenagem ao Shellard e anunciou parceria recente do CBPF com o Instituto Benjamim Constant para tradução da obra em braile. “O início da transcrição está previsto para janeiro e será o primeiro livro de ciência em braile. ” Em seguida, Albuquerque convidou o público para a mesa de autógrafos.

 

 Maria Elisa Shellard autografando
Crédito: (NCS/CBPF)

 

 

Saiba Mais:

Ciência para o Brasil: Ronald Cintra Shellard (1948-2021)

Editores: Antonio Augusto Passos Videira e Cássio Leite Vieira

Editora: Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF)

Ano: 2022

Páginas: 216

Livro disponível de forma gratuita: https://www2.cbpf.br/downloads/divulgacao-cientifica/livros/Livro_Shellard_Ciencia_para_o_Brasil.pdf

Detalhes sobre o Livro: https://www.gov.br/cbpf/pt-br/assuntos/noticias/mcti-e-cbpf-lancam-livro-em-homenagem-ao-fisico-ronald-cintra-shellard

registrado em:
Fim do conteúdo da página